segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

210211 01

Não sei o que pensar, não sei o que falar. Tudo bem, eu até sei o que pensar: nosso tempo acabou. Smiley decepcionado

chuva_na-mao

sábado, 26 de fevereiro de 2011

210211 02

   Quero logo viver minha vida, quero chegar ao Rio logo, logo! Não sei exatamente como será, mas espero e sei que será bom. Quero crescer muito, quero evoluir e viver sozinha. Quem sabe o quanto estarei maior? Agora, vendo uma criança de uniforme escolar, penso em como cresci. Me lembro dos meus tempos escolares e agora vejo como não faço mais parte dessa vida. Não me imaginava como agora, mas pensando assim, sinto-me muito mais independente e adulta que antes. Estou na universidade (apesar de não tê-la frequentado ainda Alegre), sei o que quero em minha vida e já sei dirigir! Haha! Ontem me senti muito feliz colocando o carro na garagem, e nem fiquei com medo! Smiley de boca aberta

   Nossa, eu estou sentindo um potencial e uma espera tão grande pro meu crescimento que é quase insuportável, e nem percebo que isso ocorre a cada dia. :/ Estou muito ansiosa! Ai ai ai!

01_01

domingo, 20 de fevereiro de 2011

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Pense nisso.

Muita gente antes de adotar um animal, não pensa no depois. Eles dão trabalho sim, mas vale muito a pena, mesmo. Nos apegamos demais, e eles são muito carinhosos, dão alegria à casa. Mas pense se você pode e tem condições de ter um. Pense bem!

mandamentoscaninos

Vi, gostei e passei adiante daqui: http://home-boxer.blogspot.com/2011/02/vamos-ser-mais-humanos.html

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Ca!

Hoje fazem 4 anos de nós, parabéns! Alegre 

1182786378_fDSC06339SAM_0166Image_00014

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Maria

Apesar da música ser de Almir Sater, a voz dela me encanta até o fundo do coração.

domingo, 13 de fevereiro de 2011

25012011

   É como uma contagem regressiva. Começamos pelo final. Já sabíamos: temos um ano. Um ano bem vivido e aproveitado. Mas o coração não tem sistema regressivo, pelo contrário. Em nós, tudo é progressivo. Poesias progressivas, amor progressivo, convivência e tudo o mais caminhando pra frente.
   Agora eu parto, mas volto para seus braços a qualquer momento. Tenha certeza de nossa progressividade agredindo a regressividade do tempo. Volto para seus braços porque te amo, porque temos um futuro à frente, como ouvi em algum lugar.
   Meu amor me faz voltar agora e fará milhares de vezes, sempre que seu coração me chamar, mesmo a quilômetros de distância, eles estão ligados.
   Já sinto sua falta, e espero que não leia isso.
   Amanhã de manhã eu parto, vou à luta. Estou com minha mãe, e vamos atrás do que eu quero e sinto, que é o que me fará bem. Estou, claro. Estou ansiosa com nossa ida, e sei que tudo ocorrerá bem. Sei que tenho que aprender a engraxar minhas botas sozinha, e talvez me suje um pouco com isso, mas o que me conforta é que sei que com elas engraxadas, terei uma melhor apresentação. E se a graxa acabar ou meus dedos se cansarem, tenho pessoas para me ajudar. E Deus está comigo, mesmo.
SAM_0483

sábado, 12 de fevereiro de 2011

Nega, que baque é esse?

Essa música tá na minha cabeça, caramba! Hahahaha

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Carlos II

Estou me esforçando para ouvir as palavras. Mas Drummond, eu não estou penetrando surdamente no mundo delas porque estou ouvindo música. Acho que não dá pra fazer as duas coisas ao mesmo tempo.

(http://sofimarchetti.blogspot.com/2011/01/carlos.html)

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

?

Uma mulher. Um homem. Duas mulheres. Dois homens. Três mulheres. Três homens.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...